Top
[rev_slider alias="local_sintra"]

Visão de crescimento numérico com maturidade

Crescer numericamente e ao mesmo tempo crescer em termos de qualidade e maturidade é o grande desafio para a igreja do século XXI. Não podemos pensar que qualidade e quantidade são incompatíveis. Um não anula o outro, necessariamente.

“… não querendo que ninguém se perca, senão que todos venham a arrepender-se.”
(II Pedro 3:9)

Grupos de Vida

Crescer numericamente e ao mesmo tempo crescer em termos de qualidade e maturidade é o grande desafio para a igreja do século XXI. Não podemos pensar que qualidade e quantidade são incompatíveis. Um não anula o outro, necessariamente.

“… não querendo que ninguém se perca, senão que todos venham a arrepender-se.”
(II Pedro 3:9)

Bloco da Vitória

Crescer numericamente e ao mesmo tempo crescer em termos de qualidade e maturidade é o grande desafio para a igreja do século XXI. Não podemos pensar que qualidade e quantidade são incompatíveis. Um não anula o outro, necessariamente.

“… não querendo que ninguém se perca, senão que todos venham a arrepender-se.”
(II Pedro 3:9)

Ministérios

Crescer numericamente e ao mesmo tempo crescer em termos de qualidade e maturidade é o grande desafio para a igreja do século XXI. Não podemos pensar que qualidade e quantidade são incompatíveis. Um não anula o outro, necessariamente.

“… não querendo que ninguém se perca, senão que todos venham a arrepender-se.”
(II Pedro 3:9)

Missões

Crescer numericamente e ao mesmo tempo crescer em termos de qualidade e maturidade é o grande desafio para a igreja do século XXI. Não podemos pensar que qualidade e quantidade são incompatíveis. Um não anula o outro, necessariamente.

“… não querendo que ninguém se perca, senão que todos venham a arrepender-se.”
(II Pedro 3:9)